28 de ago de 2010

Lições de Educação Financeira com a Festa de Casamento

Não dá para negar: o casamento é um dos fatos mais importantes de nossa vida e, por isso, tão festejado.
Em geral, a consagração do matrimônio começa com uma celebração religiosa, seguido de uma grande festa onde a alegria dos noivos, pais e amigos ganha ainda mais expressão.
Tudo bem.
Muitos dizem que, para a maioria dos convidados, o que vale mesmo é a festa (motivo pelo qual todos encaram antes o longo cerimonial religioso).
Mas a própria festa tem lá suas mazelas...
Ela raramente dispensa a figura típica daquele parente (um tio, por exemplo) que fica fazendo piadinhas sobre a vida de casal e lembrando que, quando solteiro, era feliz e não sabia!
Mas vamos deixar de lado estas observações e aproveitar o tema para uma boa reflexão sobre educação financeira.
Assim, o momento agora é de fazer os preparativos do casamento, principalmente da festa. E há inúmeras opções, certo?
Uma para cada gosto.
Só que qualquer escolha implica gastos, por menores que sejam.
Portanto, que tal algumas dicas para você realizar uma festa memorável, mas sem colocar em risco a sua viagem de lua de mel???
O princípio básico é que, para uma festa ser maravilhosa, não precisa ser cara, a menos que você queira um evento social, e não uma celebração entre amigos.
As melhores festas são aquelas que marcam as pessoas pela emoção, por sentimentos de amizade e alegria, e não necessariamente pelo preço do vinho que será servido.
Não se endivide!
Não comece a sua "vida a dois" com financiamentos ou empréstimos para pagar a festa de casamento.
No final, nenhum convidado irá pagar as dívidas que o casal contraiu.
Alugue as roupas.
Pode não parecer tão glamoroso, mas traje de casamento é usado uma única vez, pois até num segundo matrimônio a gente vai querer mudar de roupa!
Além disso, os noivos poderão obter um desconto se as roupas dos padrinhos forem alugadas na mesma loja.
Por fim, lembre-se que planejamento é tudo.
Vocês precisam fazer uma planilha com informações realistas, contendo número de convidados, gastos por convidado e despesas que independem da quantidade de pessoas que estarão presentes, como aluguel da Igreja, do salão de festas etc.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails